Wella vs. L’Oréal, qual o melhor?

Desculpa a falta por aqui, mas é que essas últimas semanas não foram fáceis, tá? Hahaha Mas como eu já tinha programado alguns posts na minha agenda de pautas, tudo fica mais fácil.

Hoje o post é sobre cabelo, uma das nossas menores preocupações no mundo masculino, ainda que venha crescendo constantemente a procura por salões, produtos e linhas especiais criadas para nós homens — por falar nisso, a AXE lançou uma linha de styling muito legal.

Eu nunca tive vaidade alguma com o meu, ia num salão bem comum, não passava nadica no cabelo e no máximo uma penteada nele arrumava tudo. Porém como a vida tem dessas mudanças, passei a frequentar o Vintage, isso porque acordei num daqueles dias em que a vontade de mudar era crucial. Ahhh, depois disso vocês já sabem…. me viciei por completo em cuidar do meu sofrido cabelon.

Antes de eu viajar a Natal para curtir um Carnaval mais tranquilex, passei no salão pra arrumar a juba com o Ruy (amigo e hair stylist do Vintage), e de quebra conheci um óleo da Wella que acabava de ser lançado.

ÓLEO_1

O óleo magia é um dos produtos de finalização/styling da marca, criado para cabelos que passaram por processos de alisamento, coloração ou luzes. Com uma fórmula que inclui óleo de macadâmia, óleo de abacate e vitamina E, a principal função dele é hidratar aquele cabelo sofrido (tipo o meu kkkkk), realçando a cor e o brilho . Pra isso ele inclui três formas de uso que eu geralmente pratico:

#1 – Logo após o banho. Aplico no cabelo ainda úmido e ganho maciez em dobro na hora de pentear o cabelo. Isso é extremamente prático pra mim, que na maioria das vezes não tenho paciência de esperar o cabelo secar. É vapt vupt!

#2 – Com os cabelos secos. Pressiono uns dois “pumps” do produto, esfrego nas mãos e passo no cabelo, o brilho do cabelo acende. Eu sei disso porque nas ultimas vezes que usei, a cor do meu cabelo que é um cinza escuro, ficou extremamente vivo e até angariou uns elogios. Hahaha

#3 – Na máscara de hidratação. Essa eu aprendi com… não lembro, mas enfim, três pumps do produto junto da máscara + 5min no cabelo resolvem muita coisa, a hidratação rende pra caramba, tento fazer semanalmente.

Mas e ai que dia desses percebi que meu Oil Reflections estava quase acabando, então resolvi testar o tão famoso o óleo extraordinário da Elséve.

ÓLEO_2

Descrito como Óleo Extraordinário, o bendito contém um mix de óleos de flores preciosas que enriquecem bastante o produto: óleo de Lótus + óleo de camomila + óleo da flor de tiaré “monoi” + óleo de margaridas + óleo de rosas + óleo de linhaçaSão tantos óleos que eu até me perdi na hora de falar sobre ele.

Em duas palavras posso dizer que ele é: baratíssimo e (MUITO) cheiroso. Hidrata sim, mas para cabelo seco igual o meu o efeito não é tão duradouro assim. No máximo umas 2h, que valem a pena pelo preço. Não me arrependi de comprar, pois acabo usando no dia a dia, ou quando estou em casa e apenas quero deixar os fios com uma aparência mais saudável.

As formas de uso são iguais ao do Oil Reflections, mas esse já serve pra todo tipo de cabelo, o que facilita ainda mais.

ÓLEO_2_3

Daí tu vai me perguntar “mas e ai, qual o melhor?!”. Os dois são ótimos, mas o que os diferencia é o preço e a durabilidade do efeito. Enquanto o Oil Reflections é vendido a R$90,00 , o Óleo Extraordinário chega a custar R$23 em farmácias e supermercados. Se você tem um budget sobrando, vai de Wella e seja muy feliz, caso não, o Elseve é uma boa para alguma emergência “cabelísticas”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s